Apresentação dos catálogos “No fio da respiração” e “Dois Gémeos” de Julião Sarmento c/ Miguel Von Hafe Pérez || quinta-feira, 15 de Dezembro, 19h00

IMG_9011

- – - – - - – - – - - – - – - - – - – - - – - – - – - – -

A Inc. – livros e edições de autor tem o prazer de convidar V.Exa para a apresentação dos catálogos No fio da respiração e Dois Gémeos de Julião Sarmento, que decorrerá na próxima quinta-feira, dia 15, pelas 19.00h. A apresentação será feita por Miguel von Hafe Pérez, comissário da exposição No fio da respiração que teve lugar na Galeria Municipal de Matosinhos, e pelo artista que estará presente na sessão e que irá igualmente abordar a sua obra Dois Gémeos, escultura pública implantada em Matosinhos que homenageia os irmãos Passos Manuel.

Os catálogos que agora se apresentam foram desenhados pelos R2 e são editados pela Blue Book.

15542083_913640152104648_1102785502905563099_n

- – - – - - – - – - - – - – - - – - – - - – - – - – - – -

As suas vivências, tantas vezes convocadas, remetem não só para aquilo que transcorre de um dia a dia mais ou menos intenso, mais ou menos efabulado, mais ou menos sublimado, mas também e essencialmente para o modo como ele próprio transforma em imagens suas tudo o que absorve dos seus interesses primordiais (para além da própria história das artes visuais): o cinema e a literatura. É este mundo interior que torna verdadeiramente complexo o sistema visual de Julião Sarmento. A vida das personagens lidas é tão real como a vida dos seus vizinhos, porque efetivamente capaz de inferir paradigmas básicos da interação humana. O Don Juan não é aquele personagem byroniano, é antes a reverberação da sua existência nos gestos contemporâneos. O mesmo no cinema. O olhar de Kim Novak não é aquele olhar que nos arrebata na imensidão do écran de cinema, é o desejo de fazê-lo resplandecer no olhar que agora nos é dirigido. Assim, as referências mais ou menos eruditas não são processos de afastamento autoritário do espectador, numa altiva estratégia de afirmação de superioridade intelectual, mas sim um apelo à transparência de um porvir partilhável e almejado. O da imaginação intransitiva. O da recorrência das ações mais básicas e intemporais, das dúvidas e angústias que atravessam o tempo e o espaço, dos êxtases e conquistas que circularmente se repetem sob as mais diversas peles.

Miguel von Hafe Pérez, excerto do texto do catálogo No fio da respiração.

Não deixa de ser curioso o facto de na obra de Julião Sarmento a figura do Doppelga?nger ser absolutamente central. A imagem de um duplo (presente ou pressentido) que determina com inextricável necessidade a existência de outrem, a sombra desafiadora do destino numa inquietante similitude de gestos e ações que se desencadeiam por força maior. Transposta para a presença destes dois bustos, adensa-se a malha hermenêutica de uma relação ainda aberta às mais diversas especulações interpretativas. É isso que o artista cumpre com exímia subtileza, pois aquando de uma busca por precisos pontos de ancoragem histórica na biografia partilhada a trama se mostra tão nebulosa quanto as visões romanceadas destes protagonistas românticos.

Assentes em estruturas diferenciadas, numas informais mas telúricas paletes José, e numa conjugação plinto-vitrine Manuel, são-nos assertivamente indicados pelo artista dois traços de personalidade putativamente distintos: um mais contido e terra-a-terra, assente num pragmatismo calculado, outro mais clássico, aqui no sentido de um romantismo exacerbado, e condizentemente integrado nas estruturas mais perduráveis de visibilização na história da arte: o plinto e a vitrine.

Dessacralizados, estes bustos permanecerão na memória coletiva como exemplos de uma proximidade exemplar que se quer repetível, repensada e rememorada.

Que mais se pode pedir a um monumento?

Miguel von Hafe Pérez, excerto do texto do catálogo Dois Gémeos.

- – - – - - – - – - - – - – - - – - – - - – - – - – - – -

15380358_912502038885126_1997562317714756856_n

DOIS GÉMEOS – Julião Sarmento

Catálogo do projecto de arte pública concebido para a Câmara Municipal de Matosinhos, com curadoria de Miguel Von Hafe Pérez

textos: Miguel Von Hafe Pérez, Fernando Rocha, Guilherme Pinto

Design gráfico: R2

Editora: Blue Book

Ano: 2016

Preço: €12,00

NO FIO DA RESPIRAÇÃO – Julião Sarmento

Catálogo da exposição na Galeria Municipal de Matosinhos, com curadoria de Miguel Von Hafe Pérez, patente entre 2 de julho e 15 de outubro de 2016.

textos: Miguel Von Hafe Pérez, Fernando Rocha, Guilherme Pinto

Design gráfico: R2

Editora: Blue Book

Ano: 2016

Preço: €16,00

15391023_912508628884467_2711911205539069051_n

DOIS GÉMEOS – Julião Sarmento

Catálogo do projecto de arte pública concebido para a Câmara Municipal de Matosinhos, com curadoria de Miguel Von Hafe Pérez

textos: Miguel Von Hafe Pérez, Fernando Rocha, Guilherme Pinto

Design gráfico: R2

Editora: Blue Book

Ano: 2016

Preço: €12,00

- – -

Preço pack 2 livros: €25,00

Deixe a sua resposta